6 de fev de 2010

Mau na Fita

Parece que os desenvolvedores da CF não estão nem aí para as necessidades dos jogadores brasileiros e, aos poucos, vamos conseguindo registrar o descaso com que eles nos tratam.

Se formos parar para observar, já desde o princípio carecemos de um manual mais explicativo: o que é e para que serve a popularidade? O que são os tais “descontos”? O que é “votação” e qual seu efeito nos animais? O que fazer com a flor enquanto elas não morrem?
Todas estas são perguntas básicas que não são respondidas de forma clara quando começamos a desenvolver nossas colheitas. Aqui no CFEJ tínhamos começado a catalogar e responder tais questões, mas o descaso e a má vontade dos desenvolvedores (a partir de agora, “devs”) são gritantes.

Outro ponto onde pudemos detectar esse grande descuido foi quando lançaram a atualização carnavalesca: além do imoral bug das cabaças, recebemos também gráficos piorados em algumas plantas.
Em clima de brincadeira, mas buscando identificar o real desagrado dos jogadores, realizamos uma enquete que, após concluída, apresentou um resultado nem um pouco surpreendente:

gráficoreverso

A maioria das 135 pessoas que votaram identificou o problema DIRETAMENTE à paymentez, ou seja, aos devs.Isso prova que a incompetência e o descaso já estão sendo notados de forma mais clara por alguns.

Temos ainda um problema que já se estende por mais de uma semana e torna o “Assistente da Fazenda” praticamente inútil: o log, ao invés de registrar as últimas ações do dia, tem apresentado, no máximo, as duas últimas ações ocorridas.
Dessa forma não há como saber quem visitou, roubou, foi pego pelo cachorro ou ajudou… e boa parte da graça do jogo consiste justamente na interação.

Será que não merecemos respeito por ser brasileiros?
Será que quem portabilizou este jogo do inglês para o português não é capaz de solucionar os problemas do sistema e, ainda assim, espera continuar ganhando dinheiro?
Existe alguma atitude que possamos tomar para fazer com que estes devs gananciosos nos tratem com um pouco mais de respeito?

Greve? Uma campanha para marcar um dia em que NINGUÉM toque em sua fazenda? Trocar, em massa, para a versão americana?
Estamos aceitando sugestões…

Será que somos capazes de nos unir para conquistar, pelo menos, um pouco do respeito que merecemos como consumidores?

Enquanto isso, o Geeh Bilhalva não recebeu nenhum sinal de seu netbook…

Um abraço!

Postar um comentário